segunda-feira, 16 de julho de 2007

Divagações e insónias de um tipo em férias

A ida diária a restaurantes faz com que reconsidere actualmente e cada vez mais uma série de altitudes tidas como normais.

Falo das gorjetas que deixamos repetida e continuamente cada vez que pagamos o serviço prestado e o produto consumido.

Estou farto de deixar gorjeta e nem um obrigado ouvir. BASTA! Não deixo mais! Reservo esses “arredondamentos” para os dias em que me desloco aos restaurantes - em bando - tendo que acertar, por cima, o preço a pagar.



Irritam-me o Sá Fernandes!
Lisboa esteve em eleições e venceu o previsível. Não consigo é deixar de pensar que o Sá Fernandes deveria pagar do seu bolso todo o custo inerente à paragem da obra do Túnel do Marquês…para esquerda, mil vezes melhor os comunistas puros e duros que os bloquistas…tenho dito!



Andei de férias pelos Allgarves uma vez mais. Na zona por mim explorada e já sobejamente conhecida de décadas, as línguas reinantes eram o eterno inglês e o português com sotaque.

Quem vos disse que eram só os portugueses que iam de férias para o Brasil?



Ainda de férias, papei tudo quanto é jornal e revistas disponíveis na papelaria “mais à mão” da ocasião. Umas notas a reter:

- O Jornal Sol, que tanto apregoou que o próprio valia por si só e que não daria ofertas nem brindes rendeu-se à evidência e já não tem essa nota na sua capa – agora distribui uma colecção de memórias do enorme Hermano Saraiva. Porquê tanta arrogância e convencimento, porquê?

- O Berardo - e família Lda. - aparece em tudo quanto é revista. É incrível o volte face deste magnata que poucos conheciam. De um momento para o outro teve uma enorme necessidade de ser figura de proa na comunicação social. Não auguro nada de bom!



Vou mais uns dias para fora, arranco daqui a umas horas e estou sem sono – excitação de férias. Volto a casa e a esta “net privada” lá para 6ª feira!

Portem-se mal e se for caso disso…boas férias!

2 comentários:

Jade disse...

Infelizmente, tão cedo não vou de férias...

Espero que te estejas a divertir...

Um beijo!

pedropina disse...

sou anti-gorjetas! ja tive mesmo muitas discussoes sobre isso... mas no meu trabalho, ker o faça bem ou mal feito, ninguem me deixa gorjeta!

sou anti-gorjetas e nao entendo como em alguns restaurantes a gorjeta ja vem incluída na conta....

eu deixo se eu kiser, ok? e por acaso, nao kero!

p.p.