sexta-feira, 16 de fevereiro de 2007

Viagem atribulada


Carrego no botão do elevador, o mesmo estava à minha espera, entro nele.
Vou para casa finalmente !
Ao fim de uma rápida viagem a porta abre-se, cheguei.
O pátio está escuro, que se dane ! afinal o elevador em que viajei até é o que mais próximo fica do apartamento.
Meto a chave à porta ... a mesma teima em não abrir.
Tento com mais jeito.
Tento com mais força.
A porta abre-se ... mas ... não fui eu que a abri !
Uma cara simpática aparece, mesmo assim, o meu susto é enorme, diz-me : “ sim ?”
Não respondo, mas afinal quem está na minha casa ?
Olho para o hall da entrada do apartamento e está tudo mudado, que raio !
O meu olhar de estupefacção segue mais para baixo, até o tapete é outro, diz em língua estrangeira “WILLKOMMEN”.
Pensei : “Socorrooooooo, quem me ocupou a casa !”

....

- Desculpe, enganei-me no piso ... desculpe sim !
- Não faz mal, acontece !


Fiquei ali, um segundo que me pareceu uma eternidade à espera do elevador que me levasse para o piso de cima !

O resto da noite já não correu bem !

14 comentários:

silva disse...

hehehe já vi que não gostaste da decoração da casa ou terá sido mesmo da dona da casa??? :))

O que é que andaste a beber antes de ir para casa?

Xuinha Foguetão disse...

Pascácio!

Ahahahahahaha!

Xuinha Foguetão disse...

A viagem não foi atribulada, a aterragem ou o desembarque é que foi!

Ahahahahahah!

taizinha disse...

Não te trates não...
Em que pensavas?
:)

TONY, Duque do Mucifal disse...

Lois,
outra vez?
tás recalcado com histórias de casas?
dia menos dia tens um negão e não te dá as boas vindas...

Capitão-Mor disse...

Eh,eh,eh! Já me aconteceu precisamente o mesmo...Confundi o 3º com o 4ºandar!

Paula disse...

Você precisa de férias... Não é professor, não tem boa vida, dá nisto! Mas como você matou uma colega para ter um dia de férias, vai ver que isso melhora! :P
Se não melhorar, já sabe, dedique-se ao ensino, que ao que parece tem mais férias que o comum dos mortais!
(Eu não sei, mas é o que dizem por aí...)

Sofia disse...

Ahahah,
Está pior do que eu !!
Abraços,

Yashmeen disse...

Eh pá, já me aconteceu tentar abrir a porta do vizinho. Eu estava já a pensar que a chave não funcionava, até que o homem veio ver quem é que lhe estava a tentar assaltar a casa. Tinha-me mudado para ali há uma semana e ele até achou graça. Porém, de cada vez que me cruzava com ele nas escadas, corava até às orelhas...

Abraço

Maríita disse...

Tenta acender a luz para saberes onde estás, essas histórias na tua vida são recorrentes. Medo, muito medo mesmo!

Beijocas

ARTEMINORCA disse...

Uma provocação: E não és professor!!! Imagina se o fosses... com o stress com que andamos, as horas que trabalhamos, os erros que lemos, o barulho e falta de ducação que aturamos, a opinião publica que suportamos e a ministra que odíamos...! Se... Irias parar a uma outra rua de uma outra cidade, quiçá... de um outro país!
Abraço, Lu

LFM disse...

LOL

lélé disse...

Aqui em casa também já entrou muita gente, muitas vezes mesmo sem que déssemos por isso, pensando já ter chegado ao 3º andar (não era habitual fecharmos a porta à chave, durante o dia).

Lígia disse...

oh valha-me sto antónio! mas que raio! tens cada uma. ahahahaha