segunda-feira, 21 de maio de 2007

Orientação feminina

- Primeira rotunda à direita, logo a seguir ao BES – dizia a minha querida amiga ao telefone e continuou: - vês ainda aí uma farmácia, é depois disso!

- Mas depois não tenho outra rotunda?
– perguntava eu a reconhecer o local que me indicava.

- Não, aí apenas apanhas um cruzamento e é para a esquerda, identificas isso logo com um colégio que te aparece pela direita – aparentou mestria a indicar-me o caminho.

- Ok, entendi, nada a enganar, penso que estou a ver o caminho. Chego aí na boa, fica lá entretida a fazer o jantar que eu apareço com o vinho. Ás 21h estou aí, sem mais ajudas, até logo então!

Este diálogo ao telefone descreve em parte as coordenadas para chegar à nova casa de uma querida amiga.

Ao fim de muitas voltas dou por mim a entrar na “mui in” Quinta da Marinha.

- Porra, não é aqui por certo e se fosse ela tinha-me dito, quem não conhece esta merda? Bem, até pode ter feito de propósito, ela disse que era um apartamento num condomínio côr de rosa, se aqui meteram um Hotel bem que podem ter colocado agora um bloco de apartamentos – pensei eu para me confortar, resistindo à vontade de lhe ligar, o que quebraria a surpresa de aparecer sem mais ajudas!

- Olhe desculpe, a Alameda de “Santa Engrácia” fica aqui?

Bem dito segurança deste reduto dos pobres, não falhou nas indicações para me pôr dali para fora. Fui então certeiro até ao meu destino!

- Desculpa, sabes, sempre me baralhei com a direita e a esquerda, e olha lá, sempre podias ter ligado! – disse a minha querida a sorrir.

- Sabes, não trouxe o vinho, trago uma prendinha para a casa e a sobremesa! – disse eu retribuindo o sorriso!

Mulheres, caminhos e orientações!

16 comentários:

Docinho disse...

A tua querida amiga ainda não estava bem orientada. Acontece, quando se muda de casa e para um local menos conhecido.

Mas como é evidente, isso não modifica a ideia de que as mulheres possuem um excelente sentido de orientação. Perdeste-te, foi o que foi.....

Eu acho é que tu querias ir à Quinta da Marinha... LOL

Beijocas

LoiS disse...

Querida, ela sempre foi daquela região, e mais, a família mora por ali também.

Sem desculpas !

Marta disse...

Outro dia vi acho eu no nathional geografic que quem tem o anelar maior que o indicar é quem tem mais energia masculinha, orientação, vocação para vêr mapas...se calhar não é o caso dela, ou não será o teu?
lolol
beijocas

freemind disse...

Os homens já são desorientados por natureza... e se juntarmos a isso a sua incapacidade natural para admitir que se perderam e perguntar por orientações... um mimo. Sim, porque um homem nunca se perde... alguma vez! Um homem apenas se desloca um pouco do caminho previsto, fazendo uso de diferentes opções e distâncias para atingir o mesmo objectivo... mesmo que chegue umas horas depois do previsto.

LoiS disse...

Free:

Esse tem azedume em relação ao ser Homem é de facto ...

Pá, este estéreotipo de Homem existe de facto, como se aplica na plenitude a muito tipo de mulher. Penso nada ter a ver com o facto de ser homem ou mulher, nada mesmo!

Acabei o post com uma brincadeirinha, uma vez que de todas as mulheres com quem me dou, conto por uma mão apenas, aquelas que naturalmente gostam de conduzir um homem e que nunca se perdem nas voltas que fogem à sua rotina. Pá! é o meu mundo, por muito limitado que seja é o meu mundo e a maioria das mulheres do meu mundo! E que piada lhes acho !!!

A melhor de todas amigas, foi uma querida que tu conheces, que estando a 2 kms da minha casa, e isso graças a ter telefonado uma meia dúzia de vezes, chegou 30 minutos depois da última chamada (4 kms hora). Pouco faltou para vir escoltada pela polícia!

Beijos azeda, descarrega em mim que eu gosto!

Breaking the waves disse...

LOL
Revi-me totalmente!!!
Não me perguntem como chegar a tal sítio porque o mais certo é darem a volta à Ilha para chegar ao outro lado da cidade ...heheheh
Também não vale a pena me darem indicações... de certeza que me perco!!!

Xuinha Foguetão disse...

Nem todas! ;)

Beijos

TONY, Duque do Mucifal disse...

fiquei sem saber qual era a prendinha?
não me digas que era um utensilio pra cozinha?

lélé disse...

Muitas vezes o sentido de orientação está correctíssimo, mas o que borra a escrita toda são as ruas e caminhos de sentido único, que pouco tempo antes eram no sentido contrário!...

Capitão-Mor disse...

Já pensaste em adquirir um GPS!? :)
Vai ganhando fôlego para leres o episódio de amanhã. Está longo, mas acredito que me esmerei...

freemind disse...

Azeda uma ova... realista.
E já agora, ataques pessoais são dispensados... acho que já falámos sobre isso... principalmente quando sem sentido e fundamento. Esclarecidos?

LoiS disse...

Captain:

Se tu o dizes...
Olha, GPS sim, mas quando o carro vier de série com ele, o que não foi o caso. Afinal, destas é raro acontecerem, todos os percursos feitos por mim são conhecidos, não ando nas vendas de porta a porta ;)

LoiS disse...

Free:

Azeda, sorry, tu és MEL!

Maríita disse...

Pelo menos chegaste e passaste um dia agradável na companhia da tua querida.

Beijinhos

pedropina disse...

....eu confesso k tenho um PÉSSIMO sentido de orientaçao.... sou capaz de ir a descer uma rua, entro numa loja e kdo saio (isto depreendendo k encontrei facilmente a porta da saída) saio e começo a subir a rua, ...so dp percebo k estou ao contrario...opah!

A amiga desorientada disse...

Tenho de esclarecer, em nome das qualidades do meu querido amigo, que a desorientada sou mesmo eu.
Até leio bem mapas, mas se me falta o dito papelinho é fácil perder-me e pelos vistos também tenho tendência para levar os outros para o mau caminho... ehehe... Quanto a conduzir homens, gosto sim senhora, mas perco-me muitas vezes nas voltas... O que vale é que compensa. O jantar foi muito agradável, tinha saudades de pôr a conversa em dia, o pior foi mesmo a sobremesa que era de chorar por mais e me fez engordar um quilo. E já agora, querido amigo, tudo isto foi uma partida para teres mais uma história para guardares ao lado das muitas outras que temos juntos... Boa desculpa, hem?