terça-feira, 12 de setembro de 2006

A importância do nome !

Sou uma nódoa a fixar nomes de pessoas, mas porque raio é que não atribuem um número a cada uma delas, como se de presidiários se tratassem, para que não fizesse figurinhas tristes ?

Ontem fui à loja de informática de um amigo meu, bem ...conhecido, só pode ser. O “conhecido” que assim o é porque vive com uma daquelas amigas que eu conheço desde que me conheço a mim, tinha já em tempos sido abordado por mim na sua loja sobre a possibilidade de expandir a memória do meu portátil - aquela coisa que já anda actualmente como uma carroça puxada por uma tartaruga “soarista” ( esta foi boa ;)))) ) – .

- Olá tudo bem ? - questiono eu um funcionário, o único vísivel na loja.
- Boa tarde ! – responde o miúdo.

Continuando:

- Olhe o Pedro está por cá ?
- Desculpe, Pedro, que Pedro ?
- Bem... o Pedro, não me recordo do último nome !

Neste momento aparece o “Pedro” de rompante e:

- Amigo L., com quem queres tu falar afinal ?

Pois, o tipo tem tanto de Pedro como eu de Benedito !

Escusado será dizer, no que respeita a eventuais descontos estamos conversados !!!!!!!!!! !

9 comentários:

TONY, Duque do Mucifal disse...

ah...era por isso que tu no inicio me chamavas RODOLFO! Sempre pensei que fosse uma private joke!

Maria disse...

LOLOLOL!

E isso é só com nomes de homens ou mulheres também?

Desculpa, mas estou mesmo a ver a tua carinha na loja...LOLOLOL!

Beijinhos

teresa disse...

Yup, lixado.. e eu q nao apanhei o nome da minha senhoria e andei o ano inteiro a tratá-la por "senhora"? Já de lá saí, não aguentava a pressão.. :P

Xuinha Foguetão disse...

Cabeça de alho xoxo!

Ahahahahahah!

Tens de tomar magnésio.

Ou megnésio é para a breca/caibrã?

Ups!

Toma de qq maneira.

Vai fazer-te bem!

Ahahahahha!

Beijocas

Yashmeen disse...

Isso acontece-me imenso, especialmente com aqueles nomes vulgares de pessoas que não me interessam muito...

Sofia disse...

Eu não só troco os nomes como também as fisionomias. Certa vez passei meses a cumprimentar e acenar com a cabeça para um homem que eu pensava ser um amigo do meu marido. E não era !!! Não passava de um completo desconhecido (que a essa altura acha que eu estava a dar bola para ele ...)

LFM disse...

lol
Eu também sou assim, primeiro que memorize um nome (vai lá, vai)
Mais engraçado são aquelas conversas que mantenho com as pessoas até me lembrar do nome ou provocar que alguém (incluindo o visado) o faça.

Lígia disse...

rofl, mais um pé na argola Lois! não tens emenda. beijos

Woman disse...

Meu caro, sou igual o nome escapa-me muitas vezes. Mas essa solução dos números tenho para mim que seria pior a emenda que o soneto...

Beijo LOIS